quarta-feira, maio 09, 2007

Por que o céu é azul

O dia a dia não é muito colorido. Tem dias tropicália, é verdade, mas a maioria é meio acinzentada, tipo aqueles retratos da época dos nossos avós, em preto e branco pintados com aquarela. Mas o todo, o conjunto dos dias e as perspectivas dos dias que estão por vir, isso sim é colorido. Nada berrante. Cores suficientes, contrastes fortes e combinações garantidas.
Cariciar seu queixo de barba crescente, beijar seu antebraço, abraçá-lo no sofá. Chorar nos seus braços quando a vida me bater, resguardá-lo nos meus quando for sua vez de apanhar do mundo.
Conversar sobre o que vier à cabeça por horas, madrugada adentro, na sala de casa, de moletom cinza e meias brancas, comendo qualquer coisa quente no inverno, cercados de almofadas e com uma pilha de DVDs à disposição.
Construir a carreira e o caráter com o apoio de quem se importa com nosso destino.
Essas coisas colorem minha planilha de sonhos para o futuro. E sei que são só pinceladas de uma obra que terá muito mais que isso. Eu te amo.

3 comentários:

Thais disse...

Ah, quem diria. Seja muito bem-vinda. Gosto muito das suas palavras. E desse inverno cinza-sofá.

Gus disse...

Bem vinda Cinthia, sabe que eu ia postar sobre a cor cinza, mas resolvi esperar depois desse seu post hehehe? Adoro o inverno! Beijão e parabéns!

Pri Lopes disse...

Bonito, criativo. Passou aquela sensação de "aconchego".