segunda-feira, dezembro 17, 2007

M’água

Escrevo à luz da palavra que me consome:
rendo-me tão-somente às idéias
- dois ou três copos d’água –
nem sinto fome.
Vai dizer que viver
não é feito de mágica?
Mas, agora, racionamento de água:
falta-me inspir-

...........................AÇÃO!

...........................ânimo, páginas.
O solo resseca, o corpo sossega,
e a mente traja
LUTO.

3 comentários:

sönniC disse...

sim sim.
otimo

Marcos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcos disse...

___________gostei___________

gostei________!________gostei

___________gostei___________