segunda-feira, setembro 03, 2007

Bernardo Cordeiro Mayer de Azevedo, bienvenido

Os escritores baratos saúdam Bernito e lhe desejam uma boa estadia no planeta.
Que sua vida seja cheia de poesia, como a dos pais, a quem você há de trazer ainda mais alegrias.
E que aprenda cedo a extrair o melhor da vida - seja nos bons momentos ou nos dias ruins.
Votos de felicidade palpável, garoto!
Parabéns à família.
"Eis que os filhos são herança do SENHOR, e o fruto do ventre o seu galardão. Salmos 127:3"

Um comentário:

Pri Lopes disse...

Eu também os felicito. Sinto apenas por não poder conhecê-los (ainda). Abraços!