terça-feira, março 28, 2006

Curto # 36

para minha avó e para que eu sempre me lembre dela.


Duas caras tem Alice
no espelho ela lhe disse
(para uma que inexiste)
para que a outra inexistisse...

Um comentário:

Caito disse...

Grande Marcão, resolveu publicar um dos seus poemas mais lendarios! Liga aqui em casa, tenho passado os dias aqui. Abraço!